Bruxismo e DTM na Pandemia

Hoje é 17/09/2020 e ainda vivemos tempos de pandemia. Eu juro que achei que este período ia durar uns 3 meses mas, 6 meses depois, mais de 100 mil pessoas mortas, ainda convivemos com a pandemia de Covid-19. Em todo este tempo uma nova rotina foi se instalando: máscaras, álcool gel, distanciamento social,  no instagram, aulas online.

Eu adquiri o hábito de praticar atividade física 3 vezes na semana, o que mudou muito minha disposição. Mas sei que fui exceção. A maioria das pessoas relataram ter reduzido ou parado suas atividades físicas, ter piora na qualidade do sono e níveis de ansiedade e estresse elevados, entre tantas consequências deste momento.

Em março a convite da professora Camila Megale Leite da Universidade Federal de Minas Gerais e do professor Paulo Conti do campus de Bauru da USP, participei da escrita de uma carta ao editor, publicada na revista JAOS da Faculdade de Odontologia de Bauru -USP, sobre o tema bruxismo, DTM e a pandemia. Naquele momento teorizávamos sobre as possíveis consequências que iriam afetar em os pacientes de nossa área, DTM e Dor Orofacial. As consequências do aumento no número de eventos de bruxismo já foram percebidos nas clínicas dos colegas dentistas e foi até manchete no jornal The New York Times.

Quase 6 meses depois do inicio da pandemia, recebi um convite da Liga de Dor orofacial da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto para fazer uma live exatamente sobre o tema. Aproveitei e extrai o áudio desta palestra para transformar neste programa do podcast!

Vou aproveitar e deixar o link dos artigos citados  na descrição deste programa.

Link para podcast no Spotify: http://bit.ly/bruxismocovid

Vídeo com a palestra completa no Youtube

Link para o vídeo desta palestra: http://bit.ly/bruxismoyoutube

Artigo “How psychosocial and economic impacts of COVID-19 pandemic can interfere on bruxism and temporomandibular disorders?” publicado na revista JAOS: https://bit.ly/covidbruxismo

Reportagem “A Dentist Sees More Cracked Teeth. What’s Going On?” publicada em 08/09/2020 no jornal The New York Times: https://nyti.ms/35eZ3Ny

Fale comigo:

⁃ Email: juliana.dentista@gmail.com

⁃ Instagram: http://www.instagram.com/dtmdororofacial

⁃ Twitter: http://www.twitter.com/dororofacial

⁃ Lista de transmissão no Whatsapp: http://bit.ly/julianadentista

Para ouvir: audio no podcast!

Olha a dica: palestras na AAOP

👉🏻Esta dica recebi do professor Ricardo Tesch (www.instagram.com/ricardosouzatesch): a AAOP (American Academy of Orofacial Pain) disponibilizou gratuitamente algumas palestras ministradas em congressos passados! 🤩

👉🏻Dentre elas está a palestra do Prof. Paulo Conti, cujo tema foi “Headache attributed to TMD, mescle contraction and pain: a critical analysis”. 🙌🏻 Excelente oportunidade de ver mais uma vez o mestre Conti em ação! O link é: https://aaop.org/portfolio-items/headache-attributed-to-tmd-muscle-contraction-and-pain/

👉🏻Outras palestras interessantes estão no link: https://aaop.org/portfolio-items/

Falando nisso…

O curso Ciência em DTM, curso básico para quem ainda não estudou o assunto, está com inscrições abertas para a terceira turma, que começa dia 14/09!

Inscrição: https://www.sympla.com.br/ciencia-em-dtm—turma-iii__956889

Serão 10 horas de curso em 4 módulos!

O curso abrangerá desde a classificação até as terapias utilizadas atualmente.

As aulas por web conferência serão ministradas ao vivo, em quatro encontros, às segundas-feiras, a partir de 14/09/2020, das 19h00 às 21h30, e possibilitarão uma interação mais eficaz e em tempo real entre os alunos e as professoras.

As professoras

Profa. Adriana Lira Ortega é Pós doutora em Patologia Bucal e doutora em Ciências Odontológicas pela FOUSP , mestre em Morfologia pela UNIFESP, especialista em Odontopediatria e em Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais. Amante de uma boa prosa com café (em uma das canecas de sua coleção, de preferência!).

http://www.adrianaliraortega.com

Para saber mais sobre sua vida acadêmica: http://lattes.cnpq.br/8035653789643276

Profa. Juliana Stuginski Barbosa é Doutora em Ciências Odontológicas pela FOB-USP , mestre em Neurociências pela FMRP-USP, especialista em DTM e Dor Orofacial e editora do site Por Dentro da Dor Orofacial. Hoje é professora dos cursos de Atualização e Especialização do Bauru Orofacial Pain Group. Fala pelos cotovelos! Dentista, blogueira e professora, nem sempre nesta ordem!

http://www.julianadentista.com

Para saber mais sobre sua vida acadêmica: http://lattes.cnpq.br/5156859755521710

Programação

Apresentação, definição e classificação de Disfunção Temporomandibular – diferença entre muscular e articular
Etiologia e fatores associados às DTMs
A abordagem ao paciente com DTM: métodos para diagnóstico, as diferentes condições, a importância da anamnese, ferramentas complementares para o diagnóstico – DC/TMD
Oclusão e DTM: ainda é preciso falar sobre isso?
Terapias em DTMs: uma visão geral
Placas oclusais
Agulhamentos, infiltrações, viscossuplementação: terapias minimamente invasivas
Toxina botulínica e o uso em DTM
Atividades com casos clínicos

Sobre podcasts favoritos…

Acabei de fazer uma live mostrando os podcasts que gosto de assistir… Você pode ver em: https://www.instagram.com/tv/CCld5sPls2V/?igshid=4w4c4b308y7o

Para encontrá-los você pode procurar nos aplicativos de Podcast ou mesmo no Spotify. Explore!! Colocarei os links abaixo que encontrei de cada um! Se você também é fã de podcast, envie para mim os seus favoritos! Adoro conhecer novos podcasts!

Sensação de estar esquecendo algum… mas o bacana também é ouvir sugestões que pintarem por aí!

Aproveitando para contar a vocês que o curso Ciência em DTM está com inscrições abertas para a turma II. Será realizado a partir de 03/08 e desta vez com carga horária estendida para 10 horas! As vagas também serão limitadas! Para ter mais informações sobre como estudar conosco, clique em http://bit.ly/cienciaemdtm

Sobre toxina botulínica e DTM muscular

Recebi a seguinte mensagem do Prof. Giancarlo de La Torre Canales e compartilho com vocês:

👨🏻‍💻👩🏻‍💻 A Toxina botulínica botulínica é eficaz no controle da dor miofascial persistente? .
📚Nosso estudo clínico, randomizado, placebo e cego avaliou os efeitos de três doses diferentes de toxina botulínica na dor miofascial persistente e comparou a sua eficácia com um grupo controle negativo (soro fisiológico) e principalmente com um grupo controle positivo (placa oclusal).
📉Os resultados indicam que a toxina botulínica é eficaz sendo melhor que o soro, porém não melhor que a placa nas variáveis da dor‼️ .
📈Ademais, das três doses que foram testadas só a doses menor (10U/temporal e 30U/masseter, bilateralmente) não apresentou efeitos adversos.
💬Desta forma conseguimos propor uma margem de segurança quando a toxina botulínica for o tratamento de eleição em pacientes que não responderam satisfatoriamente a tratamentos convencionais. .
A publicação é Open Access!

doi:10.3390/toxins12060395

Ciência em DTM: curso básico

Ciência em DTM: iniciando a conversa – ÚLTIMAS VAGAS

Eu (Juliana Stuginski Barbosa) e a professora Adriana Lira lançamos  um curso básico em DTM, para quem tem nenhum conhecimento sobre a área ou está iniciando seus estudos! Este é um curso que já fizemos presencialmente e se chamava Dia da DTM.

📍Disfunção Temporomandibular (DTM) é uma definição para um grupo de condições que envolvem a articulação temporomandibular (ATM) e os músculos da mastigação, com sinais e sintomas como dor, estalos articulares, limitação de abertura de boca e redução da qualidade de vida dos pacientes.

📍A especialidade de DTM e Dor Orofacial a cada dia que passa ganha mais relevância e força dentro da Odontologia. Este curso tem o intuito de apresentar ao profissional e acadêmico de Odontologia um pouco sobre a DTM e demonstrar as formas de atuação. Esta é uma área extremamente promissora pois, apesar de no Brasil existir hoje 1 dentista para cada 645 habitantes, pouquíssimos profissionais são habilitados a atenderem nesta especialidade!

O curso abrangerá desde a classificação até as terapias utilizadas atualmente e terá 8 horas de duração.

📌Todas as aulas digitais serão ao vivo, dentro da plataforma Zoom, com dia e hora marcados.

📌Durante a aula, os alunos poderão interagir com o professor ao vivo pela plataforma, tirando dúvidas e participando ativamente da aula em tempo real, simplesmente ativando o bate papo ou sua câmera e seu microfone.

📌Caso prefira ou não possa participar das transmissões ao vivo, você ainda pode assistir às gravações de todas as aulas, que ficam disponíveis no sistema durante todo o período do curso até uma semana após o encerramento. Assim, você customiza os seus horários de aula de acordo com as necessidades da sua agenda.

📌A cada módulo iremos fornecer material exclusivo para estudos que ficará disponível em página dedicada no site diadobruxismo.com

🗓 Quando acontece?

👩🏽‍💻As aulas por web conferência serão ministradas ao vivo, em quatro encontros, às segundas-feiras, a partir de 15/06/2020, das 19h30 às 21h30, e possibilitarão uma interação mais eficaz e em tempo real entre os alunos e as professoras.

📝 MAIS INFORMAÇÕES: bit.ly/cienciadtm

Pesquisa sobre situação dos dentistas durante pandemia COVID-19

Olá, fazemos parte do grupo de pesquisadores em DTM/Dor Orofacial e gostaríamos da sua colaboração em nossa pesquisa. É rápida, porém bastante importante para conhecermos aspectos psicossociais, sinais e sintomas de DTM e cefaleia, e relacionados ao bruxismo em tempos de COVID-19 nos profissionais da Odontologia.
Você também pode nos ajudar divulgando nossa pesquisa. Ficaremos muito agradecidos!
link para acesso: https://bit.ly/36BhsCL

Desde já agradecemos sua colaboração! Att, Prof. Gustavo Seabra; Profa. Camila Resende; Karen Peixoto; Profª. Juliana Barbosa; Prof. Paulo Conti; Profª Erika Almeida, Profa. Camila Megale.

Rapidinhas – EFIC COVID-19

👉🏻 A novidade da Federação Europeia de Dor:

🦠 Força-Tarefa EFIC COVID-19 – criada após perceber a necessidade de distribuição e compartilhamento de notícias relacionadas ao COVID-19 com a  comunidade, que procura conselhos com relação ao tratamento da dor de seus pacientes. 

🦠 O resultado pretendido é distribuir notícias relevantes em no site e em outros canais de comunicação. O objetivo é apresentar o que está sendo dito de maneira objetiva e fornecer uma visão geral neutra da pesquisa atual. Obviamente, as informações serão atualizadas à medida que mais pesquisas estiverem disponíveis.

🦠 Link para acesso: https://europeanpainfederation.eu/news/efic-covid-19-task-force/

Sigam Dra Juliana Stuginski-Barbosa no Instagram: @dtmdororofacial

#tbt E quando não haviam lives no Instagram?

#tbt de hoje… há uns 4 anos atrás eu descobri que fazer lives era divertido, mas não foi pelo Instagram, que naquela época acho que nem stories tinha.

Comecei no Periscope, uma ferramenta do #twitter ! Era muito divertido e cheguei a fazer ali 101 transmissões!

Depois, migrei como muitos ao Instagram e simplesmente esqueci disso.

Até que veio a #quarentena e uma seguidora, em uma das lives que participei, escreveu no comentário: te assisto desde os tempos do #periscope !

Fiquei curiosa! Será que a ferramenta existe ainda?

E não é que o site está firme e forte por lá!! Pena que não dá para rever todas as transmissões e em algumas os temas já caducaram (rs..) mas, tem uma transmissão sobre oclusão e DTM que acho que ainda é atual, isso porque este tema mudou muito pouco.

Quer dar uma olhada? Segue o link: https://bit.ly/periscopeDor

Disestesia oclusal

disestesia.001

😬Você já ouviu falar em Disestesia Oclusal?? 🧐

👉🏻A disestesia oclusal é uma condição na qual os contatos dentários que não são clinicamente identificáveis ​​como contatos prematuros nem associados a outros distúrbios (por exemplo, tecidos periodontais, polpa dentária, músculos mastigatórios ou articulações temporomandibulares). Ainda, têm sido perpetuamente (por exemplo, mais de seis meses) percebidos como perturbadores ou desagradáveis.

👉🏻Os achados clínicos não têm relação reconhecível com o tipo e a força das queixas relatadas. Os pacientes afetados sofrem de estresse psicológico e psicossocial grave.

👉🏻Deu já para sacar né? Os pacientes relatam que a sua oclusão não está normal, está desagradável, é a causa de todos os males que eles sentem, buscam diversos profissionais e muitas vezes já foram submetidos a várias terapias oclusais (ortodontia, próteses, ajustes oclusais, etc), com insucessos!

👉🏻A Disestesia Oclusal atende aos critérios para um “distúrbio somático sintomático”, de acordo com os critérios estabelecidos na 5ª edição do Guia Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-5).

✍🏻Este mês no Journal of Oral Rehabilitation saiu um guia clínico sobre esta condição.

Se você é dentista – TEM QUE CONHECER! rs… Vai ajudar a evitar iatrogenias.

📌Link: https://bit.ly/disestesia

Imhoff, B, Ahlers, MO, Hugger, A, et al. Occlusal dysesthesia—A clinical guideline. J Oral Rehabil. 2020; 47: 651– 658. https://doi.org/10.1111/joor.12950

Photo by Joseph Costa on Unsplash

#ficaadica 

😊

Podcast – Sono e Dor Orofacial

cibele pod.001

Hoje é 13 de maio de 2020 e estamos vivendo tempos de pandemia.  Estamos ainda em uma fase de distanciamento social em algumas cidades e em outras já lockdown.
E, como você já sabe, no começo desta quarentena, para suavizar os dias, fiz algumas transmissões via Instagram. Convidei professores e amigos para responderem a questões sobre algum tema específico, ligado a área de Dor Orofacial.
Resolvi então transformar as gravações que eu tinha em programas de podcast, assim, o conteúdo não se perdia!
Por favor,  lembre-se que é uma transmissão pelo Instagram, então o audio pode não estar muito bom…
Então nesta live conversei com a Professora Cibele Dal Fabbro do Instituto do Sono  sobre a relação entre Sono e Dor Orofacial. Professora Cibele trabalha há anos nesta área e tem uma experiência incrível, com vários trabalhos já publicados e atualmente  coordena o curso de formação em Odontologia do Sono do Instituto do Sono de São Paulo – SP.
Vamos ouvir?
Para isso você pode procurar pelo podcast Por Dentro da Dor Orofacial em qualquer aplicativo ou mesmo no google!
Vou deixar o link para o episódio no Spotify: