FOB-USP SELECIONA MULHERES PARA PESQUISA

Você é mulher, saudável, mora na região de Bauru e gostaria de ajudar a comunidade científica? Leia o comunicado abaixo!

Pesquisadores do curso de Doutorado em Reabilitação Oral da Faculdade de Odontologia de Bauru da Universidade de São Paulo (FOB-USP) estão selecionando mulheres para participar de pesquisa. As interessadas não devem apresentar dores nos músculos da mastigação, dores ou estalos na articulação da boca, enxaqueca e fibromialgia.

 

As participantes devem ter entre 18 e 60 anos e residir em Bauru. A pesquisa consiste no exame da cavidade oral e da face dos pacientes e preenchimento de alguns questionários. Ao final, as pacientes receberão limpeza dos dentes e aplicação de flúor.

 

Para a avaliação dos casos, os interessados devem comparecer na Clínica do Departamento de Prótese da FOB/USP no dia 25 de agosto (sábado) das 9 às 16 horas. O endereço é Alameda Dr. Octávio Pinheiro Brisolla, 9-75, Vila Universitária, Bauru, SP.

Luís Victorelli
Assessor de Imprensa PUSP-B
Universidade de São Paulo – USP
06/06/2012 – 11h10. Com informações de Lívia Maria Sales Pinto Fiamengui.

 

E aproveitando o gancho, se você é jovem (mulher ou homem) e apresenta bruxismo do sono, mesmo sem dor e mora na região de Bauru e gostaria de ajudar na pesquisa desta pessoa que aqui escreve, entre em contato pelo email: juliana.dentista@gmail.com 🙂

A equipe de DTM e Dor Orofacial da Faculdade de Odontologia de Bauru – USP agradece! 🙂

Aos pacientes: procure um especialista

Estas últimas semanas estão atribuladas! Não estou encontrando um tempinho para atualizar o blog e isso me faz ficar triste! Mas ainda este mês irei ao Congresso Mundial de Dor em Milão apresentar um trabalho sobre dor em pacientes com DTM e de lá pretendo fazer fotos e relatos das novidades para vocês!

E hoje trago uma novidade! A Sociedade Brasileira de Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial (SBDOF) criou um espaço para divulgação dos endereços dos locais de atendimento por parte dos sócios efetivos, um indicador profissional.

Eu particularmente gostei muito desta ideia. Explico: recebo diariamente emails de pacientes de todo o Brasil que procuram especialistas em Disfunção Temporomandibular (DTM) e Dor Orofacial e não os encontram ou mesmo profissionais da saúde que não sabem a quem indicar. Já estou usando o indicador para apontar um caminho a estes pacientes.

Meu nome está lá! Vejam em Franca e Ribeirão Preto!

Além disso, este indicador também é útil para divulgar nossa especialidade!

Dê uma olhadinha lá!!! E guardem o link: http://sbdof.com/procure-um-especialista/

Obrigada!!! 😉

 

Aos pacientes: Adriana Lira Ortega falou sobre Bruxismo. Veja a entrevista!

A entrevista é de 2010 mas só agora através da página da Duocare Odontologia que pude assistir. Muito boa a entrevista da colega Adriana Lira Ortega sobre bruxismo e outras questões de Odontologia. Especialmente informativa aos pacientes. Indiquem para eles!

Vejam também a parte 2! Não consegui linkar aqui… Mas acredito que logo depois deste vídeo, o you tube sugere a parte 2!

Boa semana!!!

Novo post: vídeo sobre autorregulação trigeminal

Postei hoje mais cedo no Facebook (já curtiu a página? Não? Vá lá! www.facebook.com/dororofacial) sobre um vídeo que adquiri e fiz download. É uma ótima ferramenta para orientação de pacientes com DTM. Eu adorei!

Como muitos me perguntaram sobre ele, pedi então que o colega André Porporatti, um dos idealizadores deste vídeo, escrevesse sobre o mesmo. Segue abaixo:

O vídeo da Terapia de Autorregulação do Sistema Trigeminal foi lançado com o intuito de fornecer uma ferramenta de apoio ao cirurgião-dentista capacitado no atendimento de pacientes com Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial. Seu objetivo é, através de imagens, orientações e dicas para o auto-estudo, sugestionar ideias e transformações na vida de nossos pacientes, promovendo assim uma melhor qualidade de vida.

Esta terapia se constitui de 7 passos simples

Sucintamente estes passos incluem:

1)   Como evitar hábitos deletérios

2)   Não sobrecarregar músculos e articulações

3)   Manter boa postura

4)   Fazer alongamentos dos músculos cervicais.

5)   Termoterapia.
6)   Dicas para um sono melhor

7)    Incentivo à pratica de  exercícios físicos

Trata-se de um vídeo simples com a duração total aproximada de 8 minutos e com tamanho de 30 MB que pode ser regravado e  distribuido aos pacientes como forma de auto-estudo caseiro.

Lembrando que o nosso objetivo é melhorar a qualidade de vida destes pacientes.

Obrigado!

Para maiores informações entre em contato pelo email com

André Porporatti

andreporporatti@yahoo.com.br

 O vídeo pode ser adquirido pelo site: http://uploadnsell.com/buy/gRuyEy
Abaixo uma amostra do mesmo:

Caminhada Pare a Dor em Ribeirão Preto

Já falei sobre a caminhada Pare a Dor, uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Estudo da Dor (SBED) aqui no blog. A novidade é que no dia 15 de julho ela acontecerá em Ribeirão Preto!

Por favor, divulguem, compartilhem e compareçam! Serão 2:30 horas de educação para o tratamento e prevenção das dores em geral.

Serão distribuídos camisetas e brindes para todos os participantes.
Quem puder ajudar e não apenas participar, por favor entrem em contato com o Dr. Speciali pelo email speciali@netsite.com.br

 Abaixo alguns dados:

Local: Parque Luiz Carlos Raia (ponto de encontro: Rua Severiano Amaro dos Santos)

Horário: 8h às 10h30

Médico responsável: Prof. Dr. José Geraldo Speciali

Aos pacientes: grupo de apoio a pessoas com zumbido

Um sintoma da maior complexidade é o Zumbido. São tantas causas e explicações que tanto o paciente como o profissional da saúde ficam por muitas vezes confusos.

Às pessoas que sofrem com este problema, em São Paulo, o Instituto Ganz Sanchez, o primeiro centro latinoamericano totalmente especializado em zumbido no ouvido e liderado pela Profa. Dra. Tanit Ganz Sanchez, professora associada da Faculdade de Medicina da USP, criou o Grupo de Apoio Nacional a Pessoas com Zumbido (GANZ).

Os principais objetivos são educar, trocar experiências e transmitir informações aos que sofrem com zumbido no ouvido. O pioneirismo desse grupo será na transmissão das reuniões presenciais por streaming nas mídias sociais, aumentando o alcance dessas informações para o Brasil.

A coordenadora é a própria Dra. Tanit Ganz Sanchez e as reuniões são todas as primeiras quartas-feiras de cada mês, das 15h às 16:30h na sede do Instituto Ganz Sanchez.

Mais informações pelo e-mail contato@institutoganzsanchez.com.br ,tel (11) 3021-5251, site http://www.institutoganzsanchez.com.br/ e o Facebookhttp://www.facebook.com/InstitutoGanzSanchez

 

 

Aos pacientes: caminhada Pare a Dor

Mais uma dica para os pacientes, agora para aqueles que moram em São Paulo. A SBED (Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor), com apoio da Zodiac, promove a Campanha “A dor para a vida das pessoas. Pare a dor”, cujo objetivo é conscientizar a população de que sentir dor não é normal, que ela pode e deve ser tratada de forma correta, além de criar discussões sobre o assunto entre a classe médica.

Uma das iniciativas desta campanha é a caminhada Pare a Dor. Já falamos sobre ela aqui em outubro do ano passado, mas este ano ela foi aprimorada e está acontecendo todas as quintas feiras no Parque Ibirapuera. Para participar basta chegar lá e se juntar ao grupo! Fantástico, não? São 5 km de caminhada com supervisão profissional. Se eu morasse na capital daria um jeito de participar.

Aos profissionais da saúde de São Paulo, informem seus pacientes desta iniciativa.

Abaixo o comunicado oficial!

A SBED (Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor), com apoio da Zodiac Laboratório Farmacêutico, promove a Campanha “A dor para a vida das pessoas. Pare a dor”. Entre as ações da campanha, aCaminhada Pare a Dor, que acontece todas as quintas e sábados no Parque do Ibirapuera e que proporciona aos participantes a prática de atividades, proporcionando a melhora da respiração, força, flexibilidade, da conscientização da postura adequada e o auxilio à reintegração profissional e social dos que sofrem com a dor crônica.

Caminhada Pare a Dor acontece todas as quintas e sábados, no Parque do Ibirapuera, zona sul da capital paulista. A ação conta com a supervisão, apoio e acompanhamento de um personal trainer e fisioterapeuta. O evento é aberto ao público em geral. Para participar, basta chegar ao local, no Portão 7 – acesso pela Av República do Libano – do parque e se juntar aos participantes. A caminhada tem aproximadamente cinco quilômetros, seguida de alongamento.

Para mais informações sobre as ações e atividades da Campanha Pare a Dor existem dois canais de interação: o Facebook e o Twitter, onde pacientes e médicos podem acompanhar noticias e interagir com o grupo Pare a Dor.

Siga Twitter @pareador Facebook www.facebook.com/pareador

SERVIÇO:

O que: Caminhada Pare a Dor – ação da Campanha Pare a Dor

Local: Parque do Ibirapuera, Portão 7 – Acesso pela av. República do Líbano

Quando : Todas as quintas e sábados, às 8h30

Quem: SBED e Zodiac

Aos pacientes: ouçam sobre dor de cabeça

Eu recebo muitos emails de pacientes em busca de informação sobre Dor Orofacial e que entram aqui e relatam que se decepcionam pois as informações são muito técnicas. Na verdade, eu criei o blog para abrir um canal de comunicação com os profissionais da saúde que lidam com a dor na rotina clínica.

Enquanto não arrumo o tempo necessário para fazer uma página voltada aos pacientes, vou de tempos em tempos, e à medida em que encontrar informações bacanas, colocar alguma coisa aqui com a etiqueta Aos pacientes.

Ontem ouvi a entrevista na CBN concedida pelo médico neurologista Mario Peres , muito conhecido por sua atuação na área de dor de cabeça e achei esclarecedora. Para ouvi-la clique no link: http://cbn.globoradio.globo.com/colunas/consultorio-cbn/2012/03/10/DOR-DE-CABECA-PODE-ESCONDER-PROBLEMAS-GRAVES-DE-SAUDE.htm

E aqui ele fala mais especificamente sobre a enxaqueca (migrânea), também para a CBN: http://cefaleias.com.br/enxaqueca/enxaqueca-dores-de-cabeca-tratamento-da-enxaqueca-na-cbn

Prato cheio para você se informar um pouco mais sobre cefaleia! 🙂