Tradução – Classificação Internacional das Cefaleias

É muito importante que o profissional que atende o paciente com Dor Orofacial conheça as cefaleias e seus critérios de diagnóstico para não só realizar diagnóstico diferencial com as condições que afetam esta região, mas também aprimorar o atendimento ao paciente.

Para isso, sempre é importante consultar a última edição da Classificação Internacional das Cefaleias, mas esta estava em inglês. A boa notícia é que o Comitê de Classificação das Cefaleias da Sociedade Internacional de Cefaleia publicou esta semana cuja última versão em Português Brasileiro e com tradução da Sociedade Brasileira de Cefaleia e já está disponível para download pelo link: https://ihs-headache.org/wp-content/uploads/2021/03/ICHD-3-Brazilian-Portuguese.pdf

Eu me lembro quando ainda carregava o livro na mão e via alguns residentes na neurologia usando o Palmtop (nossa, isso é bem antigo, se você não tem ideia do que é, clique aqui). Um viva para os smartphones! 🙂

#ficaadica de hoje!